Contabilidade Ribeiro

Notícias

O que é funil de vendas e porque seu escritório contábil precisa dele

Imagine uma fábrica de chocolate e todos os seus processos funcionando: administração, recursos humanos, compras, fabricação, vendas, distribuição até que o produto chegue às prateleiras do varejo

Imagine uma fábrica de chocolate e todos os seus processos funcionando: administração, recursos humanos, compras, fabricação, vendas, distribuição até que o produto chegue às prateleiras do varejo. Parece complexo, não? Mas depois que você compreende todo o processo, as coisas ficam mais claras e você toma consciência da importância de uma sequência bem preparada de etapas para a consolidação de um objetivo.

Lançando o olhar especificamente para o processo de vendas do seu escritório contábil, também deve existir um processo bem definido, com etapas claras para ajudar a aumentar os resultados. E este processo é chamado de gestão dofunil de vendas.

O que é o funil de vendas do escritório contábil?

O funil de vendas representa o passo a passo para tornar seu processo de vendas mais eficiente. É uma metodologia que abrange as etapas da jornada do seu cliente, desde o primeiro contato com sua marca até a finalização da compra.

Estas etapas podem ser adaptadas a qualquer ramo de negócios. Ele é importante, pois à medida que você sabe o que seu cliente procura e precisa, você também sabe qual caminho percorrer para que ele feche negócio com você.

Etapas do funil de vendas

Um funil de vendas tradicional, costuma considerar as seguintes etapas:

    1. Prospecção ou topo do funil de vendas: é o topo do funil, onde você deve ter a entrada de grande volume de prospects para qualificação.
    2. Qualificação: descendo um pouco no funil, você deve entender se o cliente realmente está interessado em sua solução, com o máximo de informações que puder coletar sobre ele.
    3. Apresentação: aqui você deve mostrar ao seu cliente como sua solução agrega valor e resolve a dor ou dificuldade que ele tem.
    4. Proposta: depois de perceber o valor da sua solução, é o momento de colocar a proposta na mesa, para que o cliente avalie e tome a decisão de compra.
    5. Negociação: depois de avaliar a proposta, por vezes é necessária uma negociação de preços ou condições de pagamento. Faz parte!
    6. Fechamento: por último, chegamos ao momento tão esperado do fechamento, proposta assinada, requisitos acordados e mais um cliente para o portfólio.

Este método é chamado de funil, justamente pela analogia da entrada de um número maior de prospects lá no topo, que vai sendo reduzido à medida que descemos nas etapas do funil.

Você deve gerenciar seu funil sinalizando quantas oportunidades você tem em cada estágio. Isso é muito importante, para dar a visibilidade de novos negócios, entender que esforço colocar em cada fase e assim garantir o número de fechamentos suficientes para sustentabilidade do seu escritório contábil.

Confira também as variadas técnicas de vendas que agregam valor ao serviço contábil e têm ganhado destaque na última década. Elas ajudam a direcionar melhor a classificação das oportunidades no funil de vendas, ao passo que ajudam o vendedor a entender (e convencer!) melhor seu interlocutor.

  • Técnicas de vendas: o mínimo que o empreendedor da contabilidade deve saber!
  • 4 ténicas de vendas para serviços de contabilidade: saiba como aplicá-las ou caia na guerra por preços!

Etapas do funil de vendas no marketing digital

O marketing digital veio para ficar, e você já deve saber disso. Quando falamos da jornada de compras e do funil de vendas neste cenário, temos etapas bastante similares:

  1. Atração de visitantes: pode-se dizer que aqui temos as fases de prospecção e qualificação. Por meio de marketing de conteúdo, redes sociais e outras ações digitais, você engaja seus potenciais clientes e já os qualifica de acordo com o interesse demonstrado.
  2. Geração de Leads: depois de qualificados, os leads devem ser nutridos, com contatos constantes – apresentação de conteúdos relevantes aos interesses de cada um – para direcionar o potencial cliente ao próximo passo da sua jornada de compra.
  3. Oportunidades: depois de nutridos, os leads chegarão ao estágio de oportunidade, e o vendedor já tem condições de amadurecer o contato, com uma abordagem mais consultiva, para identificar de fato o real estágio do lead na jornada de compras, e até iniciar uma negociação.
  4. Cliente: após a proposta e negociação, temos aqui o fechamento e um novo cliente!

A principal diferença aqui é que no marketing digital, o contato do vendedor com o potencial cliente se dá apenas nas fases mais avançados do funil de vendas.

Como implementar funil de vendas no escritório contábil

Selecione aqui alguns passos essenciais para ajudar você a implementar o funil de vendas no escritório contábil. Veja:

  • Entenda a jornada de compras do seu potencial cliente;
  • Defina critérios para classificar cada oportunidade nas etapas;
  • Monte sua estratégia de nutrição e qualificação;
  • Envolva todo seu time para que nenhuma oportunidade seja perdida;
  • Acompanhe os resultados e promova melhorias;
  • Depois de amadurecer o processo, defina indicadores de vendas;
  • Use tecnologia para aumentar a eficiência da gestão, com soluções de CRM (Customer Relationchip Manager).

Por que você deve organizar o funil de vendas no escritório contábil?

Para você que, por ventura, ainda esteja com dúvidas sobre a importância de utilizar o funil de vendas no escritório contábil, destaquei algumas das vantagens desse modelo:

  • Previsibilidade de resultados;
  • Possibilidade de trabalhar com mais clareza as metas de vendas;
  • Maior produtividade, ao passo que se gasta energia no momento mais adequado do funil;
  • Otimização da gestão, como consequência da visibilidade trazida pelo funil;
  • Melhor aproveitamento de oportunidades, pelo mapeamento e classificação proporcionados;
  • Direcionamento para novas ofertas, pois você pode mapear os pontos de menor conversão e as razões dessas perdas;
  • Direcionamento mais efetivo do pós-venda.

A jornada de compra do seu cliente e sua evolução no funil de vendas é formada por conhecimento, análise e decisão. E seu time de vendas precisa estar preparado para passar confiança em relação a esses aspectos. Então compartilhe conhecimento com seus nicho de mercado, fortaleça sua proposta de valor e proporcione assim bons momentos de decisão de compra. No meu programa de mentoria para empresas contábeis eu passo por esses pontos, e outros para desenhar uma máquina de vendas e encantamento de clientes. Confira aqui!

”Aproxime-se de cada cliente com a ideia de ajudá-lo a resolver um problema ou alcançar um objetivo, não de vender um produto ou serviço.” — Brian Tracy

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos

Boletim Contabilidade Ribeiro

Agenda Tributária

Período: Agosto/2018
D S T Q Q S S
   01020304
05060708091011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Cotação Dólar