Contabilidade Ribeiro

Notícias

WhatsApp amplia negócios, mas SMS não morreu

Não raro, ao longo das últimas décadas, nos perguntamos se uma tecnologia iria morrer com a chegada de outra. Foi assim, por exemplo, com o cinema, o rádio, os jornais e até a televisão

Não raro, ao longo das últimas décadas, nos perguntamos se uma tecnologia iria morrer com a chegada de outra. Foi assim, por exemplo, com o cinema, o rádio, os jornais e até a televisão. Hoje, mais do que nunca, com a ascensão da internet móvel e a revolução da inteligência artificial, as mudanças acontecem em uma velocidade assustadoramente maior. Mas será que certas tecnologias que tiveram sua morte praticamente decretada pelos mais apressados, como o SMS, realmente tendem a desaparecer?

No mercado atual, com tantas transformações, quem souber se reinventar, permanece, mas quem não souber, pode sim desaparecer. E, da mesma forma, não é diferente no segmento mobile. Percebemos, por exemplo, o imenso sucesso de novos formatos e ferramentas de conteúdo móvel, com destaque para o WhatsApp, mas o SMS não morreu.

É inegável que as pessoas praticamente pararam de utilizar o SMS na sua comunicação pessoal no dia a dia, mas é neste momento que entra a inovação e a reinvenção. O SMS ainda é o meio mais utilizado para o envio de mensagens de marcas e empresas. Ao olharmos nossos celulares, encontramos ali SMS de todos os tipos de segmentos: varejo, entretenimento, telefonia. E para todos os fins: promoções, cupons de desconto, aviso de chuva, entre outros.

O comportamento do canal SMS é bem diferente do WhatsApp, que vem ganhando espaço no mundo corporativo. Este último possui uma natureza muito mais conversacional, enquanto o SMS se afirma como um meio de notificações relevantes. Com esses perfis, é natural que os canais possuam papéis distintos na régua de comunicação de uma empresa.

O SMS tem dois usos principais dentro das empresas: marketing e corporativo. Quando falamos no SMS Marketing, se trata de uma ação comercial, com envio de conteúdos que busquem atrair clientes por meio de promoções, focando na conversão e ou na fidelização. Isso porque o SMS possui uma taxa de leitura alta: 98% das pessoas que recebem essas mensagens abrem e leem o conteúdo, número muito superior ao de abertura de um e-mail marketing, por exemplo, que chega a cerca de 22% de taxa de leitura.

Quando falamos de SMS corporativo, chegamos ao conceito de atendimento, comunicação eficiente com clientes, fornecedores, entre outros públicos. Neste caso, é muito comum recebermos tokens de banco, avisos de compra, mensagens de operadoras e protocolos de atendimento, por exemplo. Essa é ainda uma forma ágil e assertiva de chegar aos clientes sem depender da internet. Apesar de 98% da população ter acesso a dados móveis, as companhias não devem contar apenas com eles para atingir seu público. Para as empresas, o SMS, na verdade, nunca esteve tão vivo.

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos

Boletim Contabilidade Ribeiro

Agenda Tributária

Período: Novembro/2019
D S T Q Q S S
     0102
03040506070809
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Cotação Dólar